Minha não conclusão das coisas

Faz um tempo que não posto algo no blog. Apesar da ideia inicial do blog ser algo espontâneo, deixei um bando de rascunhos de post interminados. Já que não termino os outros por enquanto, resolvi escrever um sobre o meu problema em não concluir as coisas. Eis que esse post também sofreu da demora para terminar.

Como acontece com muitos casos de enrola para conclusão de tarefas, um dos motivos é certo perfeccionismo. Não acho que meus ideais sejam tão irrealistas, mas falho em cumprí-los, e às vezes parece que simplesmente não tenho ideia de como poderia concluí-los. Espero chegar  alguma inspiração que me trará novas revelações. Essa inspiração parece nunca chegar.

Quando são tarefas mais obrigatórias, como os trabalhos de universidade, chega o prazo final e acabo tendo de terminar de alguma forma, mesmo que fique insatisfeita com o resultado. Mas com as tarefas auto-impostas, não tenho muito respeito pelas possíveis metas que tenha colocado e deixo um bando de esboço, sejam parágrafos aleatórios como textos ou rabiscos incompreensíveis como desenhos.

Para tais projetos não-obrigatórios frequentemente paro por supostamente esperar vir o dia em que seria boa o suficiente para poder conlcuir de maneira adequada. Com o tempo espero que eu fique melhor, mas pra isso preciso ganhar experiência, o que não ganho por que não concluo nada.

Um problema é que muitos desses projetos que tomo para mim mesma são um tanto quanto grandiosos. Talvez seja melhor mesmo deixá-los para o futuro, e por enquanto tentar fazer e concluir projetos mais simples. Mas parece que eu só tenho vontade para fazer coisas grandiosas, o que é outro de meus problemas.

Então, como faço para resolver esse meu problema? Eu não sei. Por enquanto tento usar de métodos mais eficientes para me forçar a concluir as coisas. Ameaças e auto-ofensa estão na lista. Também tento colocar metas realistas, usando dos conhecimentos que adquiri com vinte anos de convivência. Veremos se conseguirei ter uma relação melhor com a  autoridade da minha consciência.

Acompanhe os próximos capítulos dessa novela!

Fonte da imagem

 

 

 

Advertisements

One thought on “Minha não conclusão das coisas

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s